Terça, 16 de Julho de 2024
15°C 21°C
São Paulo, SP
Publicidade

Rede estadual oferece curso técnico em conjunto com ensino médio

Iniciativa Jornada para o Futuro vai funcionar de forma piloto nas cinco unidades das Escolas do Futuro de Goiás e em 14 Centros de Ensino em Perío...

22/01/2024 às 18h36
Por: Redação Panorama Goiás Fonte: Secom Goiás
Compartilhe:
Jornada para o Futuro vai funcionar de forma piloto nas cinco unidades das Escolas do Futuro de Goiás e em 14 Centros de Ensino em Período Integral (Cepis) de 12 cidades (Foto: Secti)
Jornada para o Futuro vai funcionar de forma piloto nas cinco unidades das Escolas do Futuro de Goiás e em 14 Centros de Ensino em Período Integral (Cepis) de 12 cidades (Foto: Secti)

Alunos da rede estadual começaram as aulas nesta segunda-feira (22/01) com uma novidade: a possibilidade de fazer um curso técnico em tecnologia de forma conjunta com o ensino médio. O programa Jornada para o Futuro vai funcionar de forma piloto nas cinco unidades das Escolas do Futuro de Goiás e em 14 Centros de Ensino em Período Integral (Cepis) de 12 cidades.

O programa é desenvolvido numa parceria entre as secretarias de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), e de Educação (Seduc), oferecendo o curso de Desenvolvimento Web e Cibersegurança.

São quatro módulos no total: Desenvolvedor em Front-End, Desenvolvedor em Back-End, Assistente em Cibersegurança, e Assistente em Cloud Computing.

“Com essa iniciativa, muitos de nossos jovens sairão preparados para conquistar uma vaga em uma das áreas que mais cresce no mundo, que é a de tecnologia”, afirma a secretária de Estado de Educação, Fátima Gavioli.

Ao finalizar cada um dos módulos, os estudantes receberão um certificado de qualificação que já permite que entrem no mercado de trabalho nessas áreas específicas. Estudantes do 1º ano irão fazer todos os módulos do curso enquanto ainda estão no ensino médio e, ao final, sairão com o diploma.

Já os alunos do 2º e 3º ano também poderão fazer módulos da formação técnica em Desenvolvedor Front-End e Desenvolvedor Back-End.

Mateus Lopes, aluno do 1º ano em Valparaíso de Goiás, diz que a oportunidade de fazer um curso de tecnologia juntamente com o ensino médio será importante para sua carreira.

“A Escola do Futuro está oferecendo uma oportunidade para fora da escola. Quando terminarmos o curso, já vamos entrar com uma preparação para emprego. Isso é mesmo o futuro”.

“Pesquisamos no mercado para saber qual era a maior demanda, e esse curso era um deles. Goiás já é referência na educação básica e, sob liderança do governador Ronaldo Caiado, seremos também referência em educação profissional e tecnológica para tornar nossos jovens mais competitivos no novo mundo do trabalho”, relata o secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação, José Frederico Lyra Netto.

O programa piloto está presente em 12 cidades: Goiânia, Aparecida de Goiânia, Mineiros, Santo Antônio do Descoberto e Valparaíso, onde há unidades das Escolas do Futuro; assim como Trindade, Itumbiara, Bonfinópolis, Silvânia, Bela Vista de Goiás, Rubiataba e Palmeiras de Goiás.

Início do ano letivo na rede estadual

A rede estadual de educação de Goiás, composta por 947 instituições de ensino e 462 mil estudantes, iniciou o primeiro semestre letivo de 2024 nesta segunda-feira (22) com muitas novidades. A partir deste ano, a rede passará a contar com sete novos colégios militares e 16 novos Centros de Ensino em Período Integral (Cepis).

O programa Bolsa Estudo foi ampliado e, agora, será estendido também aos alunos do 9º ano do ensino fundamental, além dos estudantes do ensino médio.

“A cada ano que passa, o Governo de Goiás investe mais para garantir um ambiente escolar de qualidade para nossos alunos e professores”, acrescentou Fátima Gavioli durante coletiva à imprensa.

Na ocasião, ela anunciou a inauguração de dois novos colégios Padrão Século XXI em Goiânia (Bairro Jardins do Cerrado 9) e Aparecida de Goiânia (Residencial Cândido de Queiroz). Em breve também serão inauguradas novas unidades nos municípios de Alexânia, Luziânia, Novo Gama, Corumbá de Goiás e Goiânia.

“A rede estadual está cada dia mais estruturada fisicamente. Já na parte pedagógica, nós vimos há poucos dias, os resultados das Redações do Enem, quando muitos alunos tiraram 960 e 980. Nós evoluímos muito e agora vamos trabalhar para conquistar a nota 1000 em 2024”.

Fátima Gavioli lembrou ainda a distribuição de uniformes, kits de materiais escolares, mochilas, estojos, tênis e meias. Também destacou a entrega de chromebooks aos alunos do 9º ano do ensino fundamental e da 3ª série do Ensino Médio.

Secretaria de Educação | Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação – Governo de Goiás

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
São Paulo, SP
14°
Tempo limpo

Mín. 15° Máx. 21°

14° Sensação
1.54km/h Vento
91% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h47 Nascer do sol
05h37 Pôr do sol
Qua 22° 14°
Qui 24° 15°
Sex 23° 14°
Sáb 25° 15°
Dom 28° 15°
Atualizado às 02h01
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,45 +0,06%
Euro
R$ 5,94 +0,06%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,09%
Bitcoin
R$ 367,554,10 +0,10%
Ibovespa
129,320,96 pts 0.33%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Lenium - Criar site de notícias